Arquivo

Eficiência Energética e Descarbonização na Indústria: Estratégias Inteligentes para Reduzir Custos e Emissões

Num mercado cada vez mais competitivo, a atuação ao nível da eficiência energética na indústria é uma preocupação crescente, uma vez que pode permitir a redução de custos operacionais significativos, a redução de emissões de carbono e, por outro lado, a melhoria da competitividade das empresas. Trabalhar a eficiência energética é, por si só, um caminho tanto para a conservação de recursos naturais, como para a redução dos impactos ambientais associados à produção e ao uso de energia.

Tendo em conta a mutabilidade da economia, torna-se imperativo que qualquer instalação industrial entenda detalhadamente de que forma utiliza a energia e quais os setores mais impactantes em termos energéticos, permitindo a identificação de oportunidades de melhoria, que permitam uma melhoria significativa do seu desempenho global. Para se alcançarem resultados sólidos em termos de eficiência energética em ambiente industrial, é necessária uma análise sólida e bem delineada através da criação de estratégias inteligentes, suportada pela realização de uma auditoria energética.

O desempenho global da instalação em termos energéticos e os resultados alcançados em cada momento devem estar acessíveis, de forma fácil, integrada e imediata, para que sirvam de base para tomadas de decisão rápidas e eficientes. Nesse sentido, a digitalização é também uma ferramenta cada vez mais imprescindível no apoio às auditorias energéticas e à gestão de energia das instalações, uma vez que, permite realizar provas de conceito e a verificação do impacto das medidas de melhoria implementadas, enquanto permite acompanhar a evolução de objetivos e metas de redução estabelecidas, bem como as suas variações em tempo real.

A Smartwatt assume-se como parceiro na descarbonização da indústria, através da caracterização energética das instalações, identificação e concretização de medidas de melhoria, na digitalização dos processos, através da monitorização, controlo e otimização dos consumos de energias e recursos, e ainda, na integração de energias renováveis nas organizações. Com base na experiência de mais de 15 anos de trabalho desenvolvido com clientes e parceiros, identificamos um conjunto de estratégias base a que todos devem estar atentos e que contribuirão para a redução de custos e para a descarbonização.

Manutenção Preventiva: Mantenha os equipamentos em boas condições, por meio de manutenção preventiva, garantindo que funcionam na sua máxima eficiência e que não prejudicam o desempenho do restante processo;

Melhoria de Processos: Analise, otimize e digitalize processos industriais para reduzir os desperdícios de energia, enquanto verifica a possibilidade de captar e reutilizar a energia desperdiçada nos processos existentes;

Inovação Tecnológica: Para fazer o retrofit dos equipamentos mais antigos e melhorar a eficiência energética das suas operações faça uma avaliação do ciclo de vida dos equipamentos, como motores, compressores, iluminação, sistemas de aquecimento/refrigeração, ou outros, esteja atento às novas soluções tecnológicas e aposte na inovação.

Fontes de Energia Renovável: Avalie a possibilidade de integrar fontes de energia renovável na matriz energética, como energia solar ou eólica, para suprir parte de necessidades energéticas;

Contratos de Energia: Negocie contratos de energia que sejam mais vantajosos para sua instalação, aproveitando as tarifas mais ajustadas ao regime de funcionamento  e analisando opções de fornecimento de energia verde;

Incentivos: Esteja atento a programas de incentivo para a eficiência energética, preparados pelo governo ou organizações locais. Estes incentivos podem apoiar os processos de melhoria a realizar na instalação, nas diferentes vertentes da eficiência energética, quer ao nível dos processos ou mesmo em medidas de capacitação.

A eficiência energética é uma componente fundamental na transição para uma economia mais sustentável e no esforço global para combater as alterações climáticas. Assim, a realização de estudos detalhados com o objetivo de otimizar o consumo de energia, não apenas reduzem os custos associados a esta componente, como contribuem significativamente para o aumento da rentabilidade das empresas e ainda para um futuro mais justo e sustentável para todos.

André Poças,

Head of Efficiency

Últimos Artigos

Categorias

Categorias